• denuncias
  • peticionamento
  • Mediação
  • mov procedimentos
  • autenticidade de documentos
  • administracao publica
  • fraudes trabalhistas
  • liberdade sindical
  • meio ambiente
  • promocao igualdade
  • trabalho escravo
  • trabalho infantil
  • trabalho portuario

    MPT-PI vai notificar processos trabalhistas por meio do Whatsapp


    O Ministério Público do Trabalho no Piauí criou uma Central de Notificações pelo Whatsapp com o objetivo de dar maior agilidade na comunicação com usuários. Por meio da plataforma, serão enviadas notificações e informações sobre audiências e reuniões para as partes envolvidas em procedimentos em curso no órgão. O número utilizado para este fim é (86) 99423-0117.
    As assessorias dos gabinetes do MPT-PI ficarão responsáveis por disponibilizar o documento de notificação e os números de telefones da(s) parte(s) que será(ão) notificada(s) ao servidor responsável da Seção de Documentação e Gestão da Informação – SDGI. A mensagem será enviada com a imagem da notificação e identificação do procedimento.
    Para o MPT, a notificação será considerada enviada no momento em que o ícone do aplicativo WhatsApp demonstrar que a mensagem foi devidamente entregue, independentemente da comprovação de leitura. Em caso de mensagem não entregue no prazo de três dias, o servidor responsável comunicará à respectiva assessoria de gabinete, para que seja providenciada a notificação por outro meio de comunicação.

    Imprimir

    Retomada das atividades presenciais do MPT em Teresina e Picos

    A Procuradora-Chefe do Ministério Público do Trabalho no Piauí,  Maria Elena Rêgo, anunciou que a retomada das atividades do MPT-PI acontecerá de forma gradual e sistemática, com trabalho presencial a partir de 09 de setembro de 2020, próxima quarta-feira. O expediente na sede será de 7 às 14h durante a semana, sendo de 9 às 13h para trabalho presencial.

    Imprimir

    MPT espera acordo entre motoristas de ônibus e empresários nesta quarta-feira

    Em audiência realizada por videoconferência durante a tarde de ontem (29), o procurador regional do Trabalho, João Batista Machado Júnior, reuniu-se com representantes da Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (STRANS), do Sindicato das Empresas de Transportes Urbanos de Passageiros de Teresina (SETUT) e do Sindicato dos Trabalhadores em Empresas de Transportes Rodoviários no Estado do Piauí (SINTETRO). Na audiência, o Ministério Público do Trabalho no Piauí (MPT-PI) ouviu as partes e propôs o fim da greve dos motoristas de ônibus da capital, iniciada em maio.

    Imprimir

    • banner pcdlegal
    • banner abnt
    • banner corrupcao
    • banner mptambiental
    • banner transparencia
    • banner radio
    • banner trabalholegal
    • Portal de Direitos Coletivos